Descubra o novo SFX3

O novo SFX3 escolheu o conforto e a performance para satisfazer seus fiéis seguidores. Essa nova versão vai satisfazer todos os jogadores que procuram prazer durante todo o jogo.

Lançado em 2013, o SFX é conhecido desde o início por oferecer conforto máximo sem comprometer a performance na quadra. São suas qualidades de origem, aprovadas pelos jogadores do mundo inteiro, que a Babolat quis retrabalhar nesta 3a edição: “Voltamos às origens, conservamos tudo o que os jogadores adoravam no primeiro SFX e integramos novas tecnologias, com um design mais esportivo, explica Guillaume Diard, Responsável de Marketing e Desenvolvimento de Calçados, Têxteis e Bolsas.

conforto e performance – uma diretriz oriunda das expectativas dos jogadores que usam o SFX. O calçado foi repensado com grande ajuda das equipes nos Estados Unidos, mercado onde o SFX tem mais sucesso. “Temos um protótipo para cada etapa chave de modelização. Ao final de cada fase, os testadores americanos foram chamados para darem retornos e fazerem comentários”, confirma Antoine Bedin, desenvolvedor de calçados.

Fazer evoluir um modelo inspirando-se numa primeira versão que fora um sucesso parecia ser uma missão delicada, mas o resultado foi além. Para conseguir, foi preciso inovar. Evidentemente, o SFX3 continua com o encaixe largo no nível dos dedos, mas para que o conforto fosse realmente ideal, as equipes Babolat trabalharam numa palmilha totalmente inovadora. Conceituada baseando-se na técnica dita de efeito “memória”, como para os colchões, a palmilha envolve o pé de maneira ergonômica, criando uma sensação de conforto único. O conjunto é otimizado graças a uma pastilha em EVA no talão para um amortecimento ideal.

Outro ponto importante foi dar mais suporte. Assim, a estrutura do calçado foi revisitada com uma nova construção permitindo maior estabilidade, principalmente nos movimentos laterais. A utilização do mesh como principal material na parte de cima permite maior flexibilidade e transpiração: “Escolhemos esse material e não blocos plásticos, pois conhecemos sua performance para esse tipo de calçado. Além disso, esteticamente isso oferece uma verdadeira identidade ao SFX3”, comenta Mateo Castro, engenheiro de desenvolvimento R&D.

 

Uma linha elegante e refinada

 

O SFX3, o calçado confirma sem dúvida alguma que se pode voltar às origens e ao mesmo tempo melhorar o DNA de um produto: “Com o SFX3, queríamos propor uma R-evolução do SFX, apoiando-nos em suas qualidades iniciais, que foram sucesso quando de seu lançamento. Aproveitamos para melhorar sua performance em termos de transpiração, de suporte, já que as tecnologias evoluíram desde 2013. O trabalho sobre a palmilha foi bem sucedido. Quanto ao solado, nossa parceria com a Michelin assegura uma performance agora conhecida de todos”, conclui Guillaume Diard.

Uma qualidade desse novo SFX, muito apreciada pelos jogadores, é a sensação de primeiro conforto quando se insere o pé no calçado pela primeira vez. O pé desliza facilmente no interior do calçado, o ante-pé é confortável, o encaixe é logo agradável e não se precisa esperar, como para outros modelos, que o calçado se molde após um certo tempo em função de sua morfologia.

Com seu visual moderno, seus materiais refinados, seu encaixe confortável, o SFX3 tem tudo para agradar os fãs antigos e conquistar novos adeptos.